Homens armados fazem arrastão em trilha de acesso à Pedra Bonita

O Globo.  O Quatro homens armados fizeram um arrastão e assaltaram dez pessoas, no início da tarde de ontem (15/5), na trilha que dá acesso à Pedra Bonita, no Parque Nacional da Tijuca. De acordo com as vítimas, os criminosos montaram uma emboscada na estrada por volta do meio-dia, saindo da mata com um facão, uma pistola e uma foice. Após a abordagem, obrigaram as vítimas a sentar-se no chão, e recolheram celulares, carteiras, joias e documentos. Policiais do 23º BPM (Leblon) foram acionados, mas, quando chegaram, os ladrões tinham fugido pela mata. Ninguém ficou ferido. O caso foi registrado na 15ª DP (Gávea).

parque-da-tijuca

Segundo testemunhas, houve tumulto e corre-corre na área, movimentada por causa do dia ensolarado. O acesso à Pedra Bonita é feito através da Estrada das Canoas, em São Conrado. A área é uma das mais procuradas por turistas e cariocas para caminhadas e saltos de asa delta, devido ao visual deslumbrante da Zona Sul.

— Os bandidos estavam escondidos na mata, em frente a um pequeno portão fechado. Fizeram uma espécie de emboscada e saíram dali. Apenas um deles estava com o rosto coberto por uma camisa. Havia um grupo abaixo da gente, que também foi rendido. Mandaram todos sentarem no chão e passarem tudo o que tinham na mochila. Depois nos revistaram. Quando foram embora, mandaram a gente não olhar para trás — contou Diogo Henrique da Silva, de 27 anos, organizador do passeio.

Segundo Silva, depois do assalto, uma das integrantes de seu grupo passou mal, sendo necessário correr até a portaria do Parque Nacional da Tijuca para buscar socorro. Acostumado a fazer trilhas pelo Rio, ele disse que é a primeira vez que vê um assalto daquela proporção na área.

— Foi um tumulto muito grande. Muitas pessoas ficaram assustadas e não queriam descer. Tivemos que andar em grupo com alguns homens segurando pedaços de madeira para convencer quem estava em pânico — contou uma testemunha, que pediu para não ser identificada.

Vítima do assalto de ontem, a tecnóloga Sônia de Azevedo, de 49 anos, encarou o desafio de fazer a trilha pela primeira vez. Ela estava acompanhada de vizinhos de São Gonçalo e se surpreendeu com um assalto num lugar movimentado como o caminho da Pedra Bonita, em plena luz do dia.

— A gente sai de casa num domingo para ter um momento de lazer. Pesquisamos na internet antes e pensávamos que era um lugar seguro — lamentou Sônia. — Como estávamos sem celular, fomos até a portaria do parque, que acionou os policiais. Eles foram muito atenciosos e nos acalmaram, mas os bandidos já tinham fugido, infelizmente.

Segundo informações da Polícia Civil, cinco pessoas registraram ocorrência na 15ª DP. As investigações estão em andamento, e a polícia pede para que as outras vítimas procurem a delegacia.

Por Elisa Clavery, Igor Ricardo e Fabiano Rocha , do Globo.

Deixe uma resposta