Rio recebe, neste domingo, a segunda edição do Ironman 70.3 no Recreio

A segunda edição do Ironman 70.3 Rio de Janeiro, quarto e penúltimo evento do circuito no Brasil,  é o destaque esportivo neste domingo (6/11). Cerca de 1.300 competidores, de 26 países, participam da competição, na Praia da Macumba, no Recreio dos Bandeirantes. Serão 1,9km de natação, 90km de ciclismo e 21km de corrida para atletas da categoria Elite e da Faixa Etária. A largada, na Praia da Macumba, será em ondas e começará às 6h45m.

O evento, que faz parte do calendário mundial de mais de 80 provas, sendo a nona na América Latina, distribuirá US$ 30 mil de prêmio e pontos no ranking para a Elite, e 40 vagas para a Faixa Etária no Mundial de 2017 de 70.3, em Chattanooga (Tennessee).

“Teremos uma prova ainda mais forte que o ano passado, com cerca de 1300 atletas de 26 países, num dos palcos dos Jogos Olímpicos Rio 2016. O Ironman 70.3 Rio de Janeiro se consolida como uma das etapas mais procuradas do calendário mundial, pois atingiu seu limite em poucos mais de uma semana. O percurso sofreu mudanças que trarão mais segurança e emoção”, destaca Carlos Galvão, diretor-geral da Unlimited Sports, promotora da competição.

O Brasil detém os títulos da primeira edição, vencida pelo goiano Santiago Ascenço e pela catarinense Mariana Borges. Ambos estarão defendendo seus títulos este ano, ao lado de outras feras do país como Guilherme Manocchio, campeão do Ironman Fortaleza 2014, Reinaldo Colucci, um dos principais nomes do esporte, Ariane Monticeli, campeã do Ironman Florianópolis 2015, e as jovens Carol Furriela, Luísa Baptista e Bruna Mahn.

Do exterior, os destaques são os argentinos Mario Elias, quinto no ano passado, e Sebastian Blanco, o suíço Urs Muller, o uruguaio Juan Manuel Lauro e o belga Hendrik-Jan Verhaegen. Entre as mulheres, as atrações inscritas são a britânica Corinne Abraham, campeã européia em 2014 e do Ironman do México (Cozumel) e do 70.3 Ironman Austin, ambos no ano passado, a sul-africana Seymour Jeanni, a argentina Romina Palácio e a chilena Maria Luz Poblete.

A prova funcionará assim: 1.9 km de natação na Praia da Macumba, depois 90 km de ciclismo, com três (3) voltas partindo da Praça Tim Maia até o Alfabarra, retornando até o Recreio, subindo a Serra da Grota Funda e voltando novamente até a Praça Tim Maia, e 21.1 km de corrida, com três (3) voltas pela praia do Recreio/Reserva.

Deixe uma resposta