Giovani dos Santos é esperança pelo fim de um jejum de vitórias brasileiras desde 2010 na São Silvestre

Um dos principais corredores do Brasil da atualidade, Giovani dos Santos, que desde 2010 está entre os cinco melhores classificados da Corrida Internacional de São Silvestre, sendo sempre o brasileiro mais bem colocado, tenta mais uma vez estar no alto do pódio da tradicional prova de rua, que acontece neste sábado (31/12), em São Paulo.

“Já fui cinco vez pódio na prova e agora está na hora de buscar o topo do pódio. Esse é o objetivo. Temos algumas surpresas na Avenida Brigadeiro Luis Antonio e vamos tentar vencer”, destacou o atleta, que este ano venceu a Meia Maratona Internacional do Rio de Janeiro, a Volta da Pampulha e a 10K Rio, entre outros feitos. “Se conseguir ganhar essa São SIlvetre, acho que ficarei mais feliz pela torcida, que sempre me apoiou e anda bastante carente”.

Joziane Cardoso, top ten em 2014 e 2015, também está esperançosa com um bom resultado na prova deste sábado.

“Fiz uma boa preparação e espero um grande resultado. Há adversárias fortes e quero, primeiro, lutar para ser mais uma vez a melhor brasileira”, afirmou a corredora paranaense, vencedora da Meia Maratona Internacional do Rio de Janeiro.

No masculino, que o Brasil não vence desde 2010, Giovani terá a companhia de experientes corredores, como Gilmar Lopes, terceiro colocado na Meia Maratona Internacional do Rio de Janeiro 2016; Gilberto Lopes, terceiro colocado na Maratona Internacional de São Paulo; Vagner Noronha, quinto na Maratona de São Paulo 2016; Damião de Souza, campeão da Meia Maratona de São Paulo; Wellington Bezerra da Silva, campeão brasileiro de corridas de rua em 2015, entre outros.

Já no feminino, que teve a última vitória nacional em 2006, Joziane lutará ao lado de Marizete Moreira dos Santos,  bicampeã da Maratona Internacional de São Paulo; Tatiele de Carvalho, top ten na São Silvestre do ano passado e representante do Brasil nos Jogos Rio 2016; as experiente Marily dos Santos, que também esteve nos Jogos Olímpicos, e Cruz Nonata, sempre obtendo resultados entre as dez mais bem colocadas em diversas provas; Ariana Hassel, quinta na Volta Internacional da Pampulha 2016; e Adriana da Silva, entre outros destaques.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s