Harriette Thompson, maratonista mais velha do mundo, morre aos 94 anos

Harriette Thompson, a maratonista mais velha do mundo, morreu nesta segunda-feira (16/10), em Charlotte, na Carolina do Norte, nos Estados Unidos, aos 94 anos. Ela estava internada desde o último dia 6, depois sofrer uma queda.

Após ter superar três canceres, Harriette começou a correr aos 76 anos, em 1999, para apoiar e arrecadar dinheiro para pesquisas sobre leucemia e linfoma, conseguindo levantar mais de US$ 100 mil para a Leukemia & Lymphoma Society.

Harriette Thompson na Maratona Rock 'n' Roll San Diego, de 2014, quando se tornou a segunda mulher mais antiga a correr os 42km. No ano seguinte, ela bateria o recorde
Harriette Thompson na Maratona Rock ‘n’ Roll San Diego, de 2014, quando se tornou a segunda mulher mais antiga a correr os 42km. No ano seguinte, ela bateria o recorde

O grande momento de Harriette nas corridas aconteceu em 2015, quando completou a Maratona Rock ‘n’ Roll San Diego em 7h24m36s, com 92 anos e 93 dias de idade. O recorde anterior pertencia a Gladys Burrill, que completou a Maratona de Honolulu, em 2010, quando tinha 92 anos e 19 dias.

Em junho passado, ela completou o Rock ‘n’ Roll Half Marathon, também em San Diego, em 3h42m56s, sendo a mulher mais velha completar uma meia maratona. Sua última prova foi uma de 5km, em Charlotte, em 26 de agosto.

Ela deixa cinco filhos e 10 netos.

Deixe uma resposta