O dia que a frase “Não é a distância que faz uma prova gigante” fez todo o sentido, por Renato Coelho no Desafio 28 Praias

Confesso que me inscrevi no Desafio 28 Praias – Etapa Norte, categoria solo, pensando: “Vou ali até Ubatuba, visual estilo Arraial, Búzios, Bombinhas… Você já fez, sabe como é”. Juro que estudei antes o percurso como sempre faço. Mas…

Não saí contando para ver se a propaganda das 28 praias era real porque na terceira eu já estava doído e encharcado.

De todas as praias passei em poucas com areia dura. A maioria areia fina e inclinadas.

A orla muuiitoo recortada e, entre cada praia, sobe trilha e desce trilha.

E cada trilha!!! GPS bateu quase 1.300m de desnível positivo. Isso num percurso a beira mar é insano! O pace no morrão final (depois de já ter corrido 37km) bateu 25 minutos!!! Alguns morros virei lagartixa.

Renato Coelho no Desafio 28 Praias
Renato Coelho no Desafio 28 Praias

“Refresco” tive nos cinco riachos que passei. Um deles não dava pé. Ou você atravessava de bote, puxando uma corda (o que fiz) ou a nado. Em outros dois, água até a cintura. E refresco também em acumulados 1km na rodovia. Só.

Nunca soube de uma maratona que você pode participar em quinteto. São cinco pontos de corte. Só passei com folga no primeiro e na chegada.

Para uma prova assim só com organização de primeiro mundo. Pré/durante/pós. Todos PCs bem servidos, com água gelada, água de coco e frutas. Tinha uma árvore com espinho? Tinha staff para indicar. Tinha costeira de pedra? Tinha staff para indicar o momento de avançar devido as ondas. Tinha descida barrenta? Tinha staff para alertar. Tinha subidas e descidas impossíveis? Tinham cordas para auxiliar. Show com S maiúsculo! Você se sente seguro.

Para os aventureiros, super recomendo. O povo de Ubatuba é simpático. Ótimas praias, bons restaurantes, mil opções de hospedagem… Agora, treine. Treinou? Treine mais um golinho. Muita musculação de pernas e braços. Não subestime o bastão (eu não levei e me arrependi – tem morro que de tão íngreme você nem vai usar, mas nos possíveis deve ser um alívio) e muito menos as luvas (eu não usei e me arrependi). Muita árvore, mato e pedra para agarrar. Mochila de hidratação é fundamental, pois água só nos PCs.

Renato Coelho no Desafio 28 Praias
Renato Coelho no Desafio 28 Praias

É… Desafio com D maiúsculo. Gigante com G maiúsculo. Já fiz algumas proezas nesses anos: Asfalto, trilha, 42, 50, 80, 135km… Ubatuba superou tudo!

Essa foi. Agora é pensar na “próxima”! Com p pequeno mesmo. Preciso descansar um pouco.

Renato Coelho

Deixe uma resposta